Canais de Notícia

Logística

Publicada em 21/01/2013

Usina São Domingos, em MS, entra na reta final de montagem

Linha de transmissão que liga subestação da usina a subestação de concessionária já foi energizada.

Eletrosul

A linha de transmissão 138 kV, que liga a Subestação Água Clara, pertencente à Enersul, à Subestação da Usina Hidrelétrica São Domingos, empreendimento da Eletrosul no Estado, foi energizada no final da manhã desta quarta-feira (16), e entregue à operação, sendo conectada ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

Esse é um dos mais importantes marcos para a finalização das obras da hidrelétrica, localizada entre os municípios de Ribas do Rio Pardo e Água Clara, ao leste de Mato Grosso do Sul. A partir de agora, há condições de serem realizados os primeiros testes de funcionamento na primeira unidade geradora da usina, com capacidade de 24 megawatts (MW).

O trecho de linha energizado tem 53 quilômetros e 129 torres. Por enquanto, a energia não está sendo transmitida, mas é um importante passo para a finalização do trabalho.

O gerente da Divisão Regional de Mato Grosso do Sul, Ricardo Luis de Souza Licks, alerta sobre os cuidados na região onde está localizada a linha de transmissão. “É uma área segura, mas é importante lembrar que as pessoas não devem subir nas torres, pois correm risco de sofrer uma descarga elétrica”, afirma.

A previsão é de que a Usina São Domingos, que aproveita o potencial hidrelétrico do Rio Verde, entre em operação ainda no primeiro trimestre deste ano. A formação dos 19 quilômetros quadrados do lago foi concluída na última semana e as atenções agora estão todas voltadas à finalização da montagem das turbinas na casa de força. Com duas unidades geradoras, a potência máxima instalada será de 48 MW.