Canais de Notícia

Logística

Publicada em 26/11/2013

Entidades apresentam projetos prioritários para logística em MS

Projetos listados no Centro-OEste Competitivo serão apresentados nesta segunda-feira (25), em Campo Grande.

Anderson Viegas

As federações de Agricultura e Pecuária (Famasul) e das Indústrias (Fiems) apresentaram na noite desta segunda-feira (25), no auditório da Casa da Indústria, em Campo Grande, os projetos prioritários para Mato Grosso do Sul que foram apontados no Centro-Oeste Competitivo. O evento começa a partir das 19h.

O Centro-Oeste Competitivo foi elaborado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Confederação da Agricultura e Pecuário do Brasil (CNA), em parceria com as federações da indústria e da agricultura e pecuária da região Centro-Oeste.

O estudo, divulgado em âmbito nacional no dia 29 de outubro, em Brasília, fez um diagnóstico da estrutura atual de logística no Centro-Oeste e listou os investimentos necessários para melhorá-la, com o objetivo de atender a crescente demanda pelo escoamento da produção do agrónegocio e da indústria na região.

O trabalho apontou 106 projetos prioritários para os três estados e o Distrito Federal, entre os quais oito para Mato Grosso do Sul. Na relação estão cinco iniciativas do modal ferroviário: a remodelagem da malha da ALL entre Corumbá e Santos; a construção de um terminal de grãos em Dourados; a construção de um terminal de grãos em Maracaju; a construção da EF-484, entre Maracaju e Dourados e a construção e EF-484 entre Dourados e Cascavel.

Outros três projetos prioritários no Estado seriam do modal hidroviário e são direcionados para a hidrovia do Paraguai, com dragagem e sinalização dos trechos entre Cáceres e Porto Murtinho, entre o Passo do Jacaré e Porto Esperança e entre o rio Apa e Santa Fé.