Canais de Notícia

Sustentabilidade

Publicada em 19/10/2012

Bonito recebe Congresso Brasileiro de Águas Subterrâneas

Evento será realizado entre os dias 23 e 26 de outubro.

Da Redação*

O que há em comum entre a água da garrafinha, a dos famosos passeios de Bonito, a que irriga as plantações, a que abastece os canteiros de obras na cidade e as indústrias mais distantes? A resposta está bem embaixo dos nossos pés! É água subterrânea. E, ao contrário do que se pensa, é bem mais visível que imaginávamos, presente nas nossas vidas de diferentes formas, e atuando como um grande indutor de desenvolvimento.

Este é o grande tema do XVII Congresso de Águas Subterrâneas (CABAS), realizado pela Associação Brasileira de Águas Subterrâneas (ABAS), que será sediado na cidade de Bonito, entre os dias 23 e 26 de outubro, reunindo pela primeira vez em Mato Grosso do Sul as maiores autoridades científicas e empresariais do País que pesquisam este assunto. Não por acaso, Bonito foi escolhida para sediar o evento por ser um lugar que tem na água subterrânea sua vocação econômica e ambiental. O evento será palco de importantes discussões, entre elas, a gestão do Aquifero Guarani que passa por oito Estados brasileiros e quatro países, a restrição de água subterrânea, saneamento ambiental, além de legislação e investimentos no setor.

“O tema água é ainda de difícil compreensão. Como podemos afirmar que existe crise se o que se enxerga é a abundância? Técnicos, pesquisadores e grandes usuários sabem a realidade, o foco é conscientizar a sociedade. Precisamos agora que se apropriem do conhecimento gerado e tornem-se agentes promotores de uma gestão mais eficiente de nossos recursos hídricos. O tempo de resposta do Poder Público precisará mudar urgentemente. Equivocado se isso for compreendido como custo, na realidade é o melhor investimento que pode ser feito, afinal sem água não há vida”, resume a essência do evento, o organizador do CABAS, Rodrigo Cordeiro.

O CABAS também realiza simultaneamente outros dois evento, a sétima Feira Nacional de Água – FENAGUA, que congrega expositores de todo o País apresentando as novidades em equipamentos e projetos que envolvem a água. Hoje o Brasil é referência em tecnologia e inovação no processo de perfuração de poços e captação de água. O terceiro evento é o XVIII Encontro Nacional de Perfuradores de Poços, que juntos devem reunir mais de 800 pessoas de todo o Brasil e exterior.

(*Com informações da assessoria)