Canais de Notícia

Sustentabilidade

Publicada em 21/05/2013

Queimadas no Pantanal são tema de audiência em Corumbá

Discussão será realizada nesta terça-feira, no centro de convenções do município.

Assembleia Legislativa

Os impactos causados pelas queimadas no Pantanal sul-mato-grossense serão debatidos durante audiência pública na Centro de Convenções do Pantanal Miguel Gómez, em Corumbá, nesta terça-feira (21), às 9h. A proposição é do deputado Amarildo Cruz (PT), vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Assembleia Legislativa.

O deputado Amarildo Cruz destacou que o objetivo da audiência é discutir os problemas e efeitos causados pelas queimadas no Pantanal e buscar soluções. "Nossa intenção é envolver todos os segmentos da sociedade prejudicados pelos incêndios florestais. Vamos trabalhar agora para impedir que os focos de incêndio tomem grandes proporções no segundo semestre deste ano", ressaltou o parlamentar.

Corumbá, a 420 km de Campo Grande, está entre as cidades mais afetadas pelas queimadas. No ano passado, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 94 novos focos de incêndio em apenas um final de semana no município. Conforme o Inpe, até 13 de agosto de 2012 houve um aumento de 525% nas queimadas no Pantanal em relação a 2011. Já no Brasil, os focos cresceram 63,8%. Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre o Fogo, no ano passado, as queimadas em território nacional destruíram uma área de florestas equivalente a 67% do território do Sergipe.

Devem participar da audiência pública o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos (Ibama); o Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul (Imasul); o Ministério Público Federal; a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia (SEMAC); o Comando Geral da Marinha do Brasil - 6º Distrito Naval; o Comando Militar do Oeste (CMO); a Fundação do Meio Ambiente do Pantanal; o Consulado Boliviano; Alcadia de Puerto Quijarro; Alcadia de Puerto Suarez; Sindicato Rural de Corumbá; a Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) e Corpo de Bombeiros. O evento tem a parceria da Prefeitura Municipal de Corumbá.