Canais de Notícia

Sustentabilidade

Publicada em 23/09/2014

Agroecologia beneficia consumidores, agricultores e meio ambiente

Agroecol será realizado entre os dias 19 e 21 de novembro de 2014.

Da Embrapa Agropecuária Oeste

Debater e apresentar as novidades em agroecologia, reunindo técnicos, agricultores, pesquisadores, docentes e estudantes da América do Sul é um dos objetivos do Agroecol 2014, evento internacional que acontece de 19 a 21 de novembro de 2014, na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), em Dourados/MS.

"A agroecologia é uma ciência que orienta a adoção de tecnologias e práticas em sistemas de produção, procurando imitar os processos como ocorrem na natureza, evitando romper o equilíbrio ecológico que dá a estabilidade aos ecossistemas naturais. É muito importante, pois além de se produzir alimentos de boa qualidade, livre de resíduos químicos,uma vez que não são utilizados fertilizantes sintéticos solúveis e agrotóxicos, também contribui com a segurança alimentar, e com a conservação e melhoria ambiental, por meio do uso responsável do solo, da água, do ar e dos demais recursos naturais", explica a professora da UFGD e vice presidente da Comissão Organizadora do Agroecol 2014, Zefa Valdivina Pereira.

Mas, o principal diferencial da produção em base agroecológica em relação a produção orgânica está no estreito relacionamento das ciências naturais com conceitos das ciências sociais, explica Zefa. Ela acrescenta ainda que"essa afinidade de conceitos transforma a agroecologia numa ciência dedicada ao estudo das relações produtivas entre homem-natureza, buscando a sustentabilidade ecológica, econômica, social, cultural, política e ética.Os sistemas produtivos de base agroecológica estão geralmente focados no fortalecimento da agricultura familiar, que se baseiam na pequena propriedade, na mão de obra familiar, em sistemas produtivos complexos e diversos, adaptados às condições locais", explica.

Segundo ela, no Mato Grosso do Sul, mais 55% dos proprietários de terra são pequenos agricultores e agricultores tradicionais. Ela acredita que a adoção de princípios da agroecologia caracteriza-se como uma oportunidade para a promoção da dignidade, fixação do homem à terra, segurança e soberania alimentar para essas comunidades. "Agroecologia nasce como um novo enfoque científico, capaz de dar suporte a uma transição a estilos de agriculturas sustentáveis, contribuindo para o estabelecimento de processos de desenvolvimento rural sustentável", informa Zefa.

Consumidores

O presidente da Comissão Organizadora do evento e Pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste, Milton Parron Padovan, destaca a importância dos consumidores nessa cadeia produtiva, salientando a importância de se conhecer a origem do que se consome e seu processo produtivo. "É preciso exigir produtos de boa qualidade, que sejam socialmente justos e produzidos de forma ecologicamente correta, pois quando se tem consumidores exigentes  abrem-se oportunidades para os produtos produzidos em bases agroecológicas,com possibilidades de concorrerem no mercado com os demais produtos, inclusive com preços acessíveis", salienta Milton.

Segundo Padovan, os consumidores podem se beneficiar com o consumo de produtos agroecológicos. "Melhoria na qualidade de vida é a principal conquista para todos. Ganham os consumidores que podem se alimentar com produtos saudáveis, de boa qualidade e livre de resíduos químicos;ganha o meio ambiente devido à conservação e melhoria da qualidade ambiental promovidos pelas técnicas utilizadas para viabilizar a produção e ganham os agricultores que dispõem de rendimento financeiro oriundos da comercialização de seus produtos", conclui Milton.

Esses e outros assuntos relacionados à agroecologia serão temas do AGROECOL 2014. O Agroecol 2014 é composto pelo 1º Seminário de Agroecologia da América do Sul, o 5º Seminário de Agroecologia de Mato Grosso do Sul, o 4º Encontro de Produtores Agroecológicos de MS e o 1º Seminário de Sistemas Agroflorestais em Bases Agroecológicas de MS.

O tema de reflexão central do Agroecol 2014 é: "Avanços e desafios em Agroecologia: onde e como precisamos chegar". A página eletrônica do evento já está disponível e pode ser acessada em www.cpao.embrapa.br/agroecol2014/.