Canais de Notícia

Sustentabilidade

Publicada em 08/08/2014

Produtores de MS vão receber orientação sobre o CAR

Representantes de entidades nacionais e estaduais tirarão as dúvidas dos produtores.

Da Famasul

Com o objetivo de esclarecer os produtores rurais e presidentes dos sindicatos rurais de Mato Grosso do Sul sobre as dúvidas em relação à inscrição no CAR-MS - Cadastro Ambiental Rural, sistema informatizado, a Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS realiza, nos dias 11 e 12 de agosto, um talk show sobre o tema, evento com formato interativo com os participantes, na sede da Federação.

O CAR é um sistema de registro público e eletrônico das informações ambientais da propriedade rural. Para os Estados que não dispõem de sistema próprio para o cadastramento de imóveis rurais, o Governo Federal disponibilizou o módulo de cadastro diretamente no SICAR. O Mato Grosso do Sul optou por desenvolver sua própria plataforma, para atender as peculiaridades locais.

No CAR-MS, que é integrado ao SICAR - Sistema de Cadastro Ambiental Rural Federal, o produtor deverá apresentar os dados ambientais de sua propriedade rural no Estado. O sistema já está disponível para inscrições no site do Imasul – Instituto de Meio Ambiente de MS (http://www.imasul.ms.gov.br/).

Para o analista do Departamento Técnico, Raul Roa, o produtor rural precisa conhecer com profundidade a utilização do sistema antes de utilizá-lo. "A plataforma usada em Mato Grosso do Sul é diferente porque a região apresenta particularidades em relação a outros Estados, como o Pantanal, por exemplo, e por isso é diferente do Sicar - Sistema Nacional de Cadastro Rural, desenvolvido pelo Governo Nacional ", afirma Roa. O analista orienta ao produtor para que utilize o serviço de um profissional especializado na área ambiental. "O produtor rural tem que ter consciência de que a responsabilidade das informações cadastradas é dele”.

O prazo final de inscrição está marcado para 5 de maio de 2015, mas pode ser prorrogável por mais um ano. O CAR foi criado pelo Novo Código Florestal e serve como instrumento essencial para o processo de regularização ambiental de propriedades e posses rurais. As informações do cadastro passarão a ser utilizadas como critério para a obtenção de licença ambiental para a exploração dos recursos naturais das propriedades.

O produtor rural que não se inscrever no CAR-MS até a data limite ficará irregular, podendo ficar impedido de obter licenciamento ambiental e financiamentos.

Sobre o evento

No dia 11 de agosto, o evento iniciará às 14h, com a participação de representantes do MMA - Ministério do Meio Ambiente, da Semac - Secretaria de Estado de Meio Ambiente, das Cidades, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia do Imasul - Instituto de Meio Ambiente do MS e da CNA - Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil. "A finalidade é que os produtores interajam com os representantes dessas entidades, com perguntas referentes a sua realidade, por isso optamos por esse formato, mais dinâmico e participativo", ressalta Roa. No dia 12 de agosto, o evento direcionado apenas aos técnicos dos sindicatos rurais, começará às 8h e tratará especificamente do CAR-MS.