Canais de Notícia

Sustentabilidade

Publicada em 12/03/2014

Iniciativa do Mapa traz novo repertório de sustentabilidade

Ministério divulga casos de gestão agrícola sustentável dentro do agronegócio.

Da assessoria

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) vai lançar a segunda edição da publicação Gestão Sustentável na Agricultura. O evento é uma iniciativa da Coordenação Geral de Sustentabilidade Ambiental (CGSA), da Assessoria de Gestão Estratégica (AGE) e do gabinete do ministro Antônio Andrade (GM). O lançamento vai ocorrer no dia 19 de março, às 10h, no auditório maior do Ministério.

O objetivo da publicação é reunir e divulgar casos bem sucedidos de instituições privadas, públicas e de produtores, ligados à agricultura, que tenham a gestão sustentável inserida e exercitada em suas atividades.

A Comissão avaliadora do Mapa selecionou oito casos que constarão na segunda edição, constituindo um mosaico de exemplos em gestão sustentável: a empresa florestal que libera suas áreas para apicultores das comunidades onde atua; a agropecuária que trabalha em larga escala na produção orgânica de aves; a cooperativa que atua com produtores na recuperação e conservação de nascentes de água; o banco que incentiva os produtores na adoção de práticas agrícolas de baixa emissão de carbono; a fundação que desenvolveu ferramenta de avaliação sobre a sustentabilidade de práticas agrícolas utilizadas pelos produtores; a empresa pública de pesquisa que desenvolveu trigo para produção de grãos e pastejo animal; o instituto que recolhe e dá destinação ambientalmente correta a agrotóxicos cujo uso já não é mais permitido; e uma associação que divulga e incentiva a adoção de práticas agrícolas sustentáveis.

A tiragem de cinco mil exemplares será distribuída para instituições públicas, empresas, cooperativas, sindicatos, universidades, organismos internacionais e embaixadas. A exemplo da edição anterior, esta também é bilíngue (português – inglês).

O Ministério incentiva a intensificação da adoção de práticas agrícolas sustentáveis dentro do agronegócio brasileiro. “A nossa intenção é lançar anualmente uma nova edição dessa publicação, com novos casos relevantes e bem sucedidos, que possam servir de exemplo e orientação para mais instituições e produtores interessados”, afirma o coordenador-Geral de Sustentabilidade Ambiental do Mapa, Renato de Oliveira Brito.

A primeira edição do livro ocorreu em março de 2013 e divulgou práticas de gestão sustentável agregadas por diferentes instituições ligadas ao agronegócio, uma atitude pioneira do Ministério, que tem como missão divulgar um repertório de experiências de sucesso na inserção do tema sustentabilidade.