Canais de Notícia

Agrícola & Iindustrial

Publicada em 13/08/2014

Chuva atrapalha e moagem da cana na safra 14/15 em MS é 13,79% menor que na anterior

Usinas do estado moeram 16,17 milhões de toneladas de cana.

Lilianthea Lopes Oliveira Viegas

O volume de cana-de-açúcar processada em Mato Grosso do Sul no acumulado desde o início da safra 14/15 até o dia 31 de julho é 16,17 milhões de toneladas, o que significa que é 13,79% menor do que o registrado no mesmo período do ciclo anterior, que foi de 18,75 milhões de toneladas.

A informação é da Associação dos Produtores de Bioenergia do estado (Biosul). Segundo a entidade, na segunda quinzena de julho foram processadas 1,83 milhões de toneladas, 43% a menos que as 3,2 milhões de toneladas moídas nos últimos 15 dias de julho do ano passado.

“Em julho, choveu duas vezes e meia a mais do que a média histórica, isso fez com que as usinas diminuíssem o ritmo da produção por conta da interrupção de vários dias na colheita, agora em agosto esperamos voltar ao ritmo normal de produção no estado”, comenta o presidente da Biosul, Roberto Hollanda.

De acordo com a Biosul, com menor quantidade de matéria-prima disponível ocorreu uma retração também no processamento de etanol nesta safra frente a anterior de 10,26%, caindo de 993,98 milhões de litros para 892 milhões de litros e ainda maior de açúcar, 29,58%, passando de 620 mil toneladas para 436 mil toneladas.