Canais de Notícia

Agrícola & Iindustrial

Publicada em 30/04/2014

GCEA aponta o plantio de 15 mil hectares com soja safrinha em MS

Produtividade estimada para safrinha é 38,66% menor do que a do ciclo convencional.

Anderson Viegas

Relatório do Grupo de Coordenação de Estatística Agropecuária de Mato Grosso do Sul (GCEA/MS) apontou após a reunião realizada em 29 de abril, em Campo Grande, que pela primeira vez em sua história, o Estado registra no ciclo 2013/2014, o plantio de soja safrinha, também chamada de safra de inverno ou segunda safra.

Conforme o GCEA/MS, os produtores do Estado cultivaram cerca de 15 mil hectares com soja safrinha neste ciclo. A produtividade projetada é de 1.800 quilos por hectare e a produção total estimada é de 27 mil toneladas da oleaginosa.

De acordo com os dados da Coordenação de Estatística Agropecuária, a área semeada com a safrinha de soja representa somente 0,70% do total cultivado com o grão no ciclo convencional em Mato Grosso do Sul, que foi de 2,133 milhão de hectares.

Em relação a produtividade, a estimada para a safra de inverno é 38,66% menor do que a registrada no ciclo convencional, que foi de 2.934 quilos por hectare.

Conforme o GCEA/MS, que é formado por representantes do IBGE, Conab, Banco do Brasil, DFA, Iagro, Seprotur, Semac, Sefaz, Famasul e Ceasa, o plantio da soja neste período do ano é “mais uma opção de geração de renda encontrada pelos produtores de alguns municípios do Estado”.