Canais de Notícia

Agrícola & Iindustrial

Publicada em 15/01/2014

Volume de cana moída cresce 11,82% no acumulado da safra, diz Unica

Usinas do Centro-Sul já processaram 594,10 milhões de toneladas.

Anderson Viegas com informações da Unica

O volume de cana-de-açúcar moída pelas usinas dos estados do Centro-Sul do País no acumulado do início da safra 2013/2014 até o dia 1º de janeiro é 11,82% maior do que o registrado no mesmo período do ciclo anterior, passando de 531,31 milhões de toneladas para 594,10 milhões de toneladas, conforme dados divulgados nesta terça-feira (14), pela União da Indústria da Cana-de-Açúcar (Unica).

Segundo o levantamento da Unica, a safra 2013/2014 está mais alcooleira que a 2012/2013, sendo que neste ciclo 54,64% da matéria-prima foi destinada a produção de etanol e 45,36% ao processamento de açúcar. Desse modo, mesmo com maior quantidade de cana moída, a fabricação do alimento no acumulado desta safra frente a anterior teve uma alta discreta, 0,58%, subindo de 34,06 milhões de toneladas para 34,26 milhões de toneladas.

Em contrapartida, o processamento de etanol, somando os volumes do anidro e do hidratado, teve uma elevação de 19,20% na comparação dos dois ciclos, saltando de 21,28 bilhões de litros para 25,37 bilhões de litros.

A Unica aponta ainda que o volume de etanol comercializado pelas usinas do Centro-Sul entre abril a dezembro foi de 19,46 bilhões de litros (8,37 bilhões de litros de etanol anidro e 11,09 bilhões de litros de etanol hidratado), o que representa uma alta de 15,24% em relação ao mesmo período de 2012. Deste total, 2,29 bilhões de litros destinaram-se à exportação e 17,17 bilhões de litros ao mercado interno.

Segundo o diretor técnico Unica, Antonio de Padua Rodrigues, apesar deste aumento nas vendas, o volume de de etanol atualmente disponível nas usinas é cerca de 15% superior relativamente aquele registrado no mesmo período do ano anterior, sendo portanto suficiente para atender a demanda no período de entressafra.

Para Rodrigues, a safra atual está praticamente concluída. Nos últimos 15 dias de dezembro, 115 usinas registraram moagem, contra 70 na mesma quinzena do ano anterior. Do total deste ciclo, 12 devem continuar em operação neste mês de janeiro.