Canais de Notícia

Economia

Publicada em 19/02/2015

Publicidade contribui para aumento do consumo de etanol em SP

Participação do etanol no mercado passou de 34,3% para 36,5%.

Da Unica

A nova fase da campanha publicitária “Etanol, o Combustível Completão”, criada para a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) pela agência de propaganda Borghi/Lowe e lançada no dia 28 de setembro, impulsionou as vendas do etanol hidratado, aquele usado diretamente no tanque dos veículos, no último trimestre de 2014, no Estado de São Paulo.

De acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) avaliados pela UNICA, a participação do etanol no consumo de combustíveis do ciclo Otto em São Paulo que era da ordem de 32% nos nove primeiros meses de 2014, aumentou continuamente após setembro. Totalizando 34,3% em outubro, 36,2% em novembro e 36,5% em dezembro.

Na análise trimestral, esta participação saltou de 32,6% entre julho e agosto para 35,7% nos últimos três meses do ano.

O diretor técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues, destaca que esta progressão aconteceu justamente no momento em que a campanha estava no ar com força total na praça contemplada pelo plano de mídia (no Estado de São Paulo).

“Este crescimento de mais de três pontos percentuais da participação do biocombustível verificado em São Paulo, do terceiro para o quarto trimestre de 2014, é significativamente maior ao observado no restante do País, que foi de 16,7% para 18,3%, ou seja, 1,7 pontos percentuais no período,” concluiu Rodrigues.

De fato, no comparativo do último trimestre de 2014 em relação ao período anterior, as vendas de hidratado pelas distribuidoras aumentaram 17,9% em São Paulo, enquanto as vendas de gasolina C cresceram apenas 2,78%, mesmo com a paridade entre o combustível fóssil e o renovável permanecendo inalterada, entre 65% e 66%.

O diretor da UNICA classificou este acontecimento como “um sinal claro de que o consumidor paulista dono de carro flex privilegiou o etanol”.

Na avaliação do coordenador de Comunicação da UNICA, Paulo Zappa, além destes resultados comerciais, a campanha também reforçou a imagem do etanol como uma opção limpa, renovável e com importantes impactos sociais e econômicos, por isso conseguiu atingir seus objetivos.

“Mais uma vez a campanha ‘Etanol, o Combustível Completão’ destacou os pontos positivos do nosso biocombustível, que vão muito além da questão do preço, como a geração de ganhos ambientais, sociais e de significante crescimento econômico em centenas de municípios canavieiros,” finalizou Zappa.