Canais de Notícia

Economia

Publicada em 05/02/2015

Açúcar fica em segundo lugar no ranking de exportações de MS em janeiro

Estado exportou 175,737 mil t, conseguindo receita de US$ 61,069 milhões.

Anderson Viegas

O açúcar ficou em segundo lugar no ranking de receita com as exportações de Mato Grosso do Sul em janeiro de 2015, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (5), pelo Sistema de Análise das Informações de Comércio Exterior via internet (Aliceweb), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic).

Segundo o Aliceweb, o estado exportou no primeiro mês do ano, 175,737 mil toneladas do produto, o que representa um incremento de 174,40% frente as 64,042 mil toneladas do mesmo mês do ano passado. Já em receita o incremento foi um pouco menor, 153,21%, passando de US$ 24,117 milhões para US$ 61,069 milhões.

O açúcar “made in MS” foi exportado para 12 países neste início de ano. Os principais compradores em termos de resultado financeiro foram a Argélia, com US$ 14,724 milhões (24,11%), Bangladesh, com US$ 11,195 milhões (18,33%), a Rússia, com US$ 11,061 milhões (18,11%) e o Iêmen, com US$ 8,965 milhões (14,67%).

Agro na liderança

Neste primeiro mês de 2015, cinco produtos do agronegócio lideraram o ranking de faturamento de Mato Grosso do Sul com as vendas internacionais. Além do açúcar em primeiro lugar, a listagem tem ainda a celulose em primeiro, com US$ 97,093 milhões, a milho em grão em terceiro, com com US$ 41,984 milhões, a carne desossada e congelada de bovinos, na quarta, com US$ 32,006 e na quinta os pedaços e miudezas congelados de galos e galinhas, com US$ 19,380 milhões.

Em janeiro deste ano, Mato Grosso do Sul contabilizou um incremento de 19,99% na receita total com as exportações frente ao mesmo intervalo de tempo do ano passado, passando de US$ 269,793 milhões para US$ 323,739 milhões.