Canais de Notícia

Economia

Publicada em 04/09/2014

Fiems recebe comitiva chinesa interessada em investir no Estado

Integram a comitiva o ministro Wang Quingyan e empresários do país.

Da Fiems

O diretor-corporativo da Fiems, Jaime Verruck, recebeu, ontem (03/09), no Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), a visita do ministro conselheiro da embaixada da República Popular da China no Brasil, Wang Quingyan, e empresários chineses para discutir possíveis investimentos em Mato Grosso do Sul. Durante a reunião, os empresários manifestaram interesse de direcionar o foco dos investimentos para o Estado nas áreas voltadas na agregação de valor à matéria-prima local e também na de logística de transporte.

Jaime Verruck apresentou o projeto Centro-oeste Competitivo, que foi encomendado pela Fiems e Famasul com apoio da CNI e CNA para listar as obras necessárias e projetar uma matriz com eixos de integração para permitir a redução dos custos logísticos e aumentar a competitividade sistêmica do Estado, e o perfil industrial de Mato Grosso do Sul, destacando que boa parte da exportação sul-mato-grossense tem foco no mercado chinês. “Eles manifestaram que existe uma série de indústrias chinesas interessadas em vir para o Brasil e para Mato Grosso do Sul para agregar valor e processar a matéria-prima local. Além disso, destacaram a atuação de bancos chineses no Brasil, com volume de recursos para financiar empreendimentos, tanto brasileiros, quanto chineses”, disse.

Wang Quingyan destacou a importância da aproximação com Mato Grosso do Sul. “O Estado exporta muitos produtos para a China e, diante dessa situação, empresas chinesas querem investir aqui, aproveitando a matéria-prima daqui, além de atender na área de logística”, reforçou, enaltecendo ainda o trabalho da Fiems. “A Fiems contribui muito para que consigamos esse estreitamento da relação econômica e para que tenhamos acesso às informações sobre o Estado e as oportunidades de investimento”, garantiu.