Canais de Notícia

Economia

Publicada em 19/08/2014

Demanda ajuda soja a fechar segunda em alta na bolsa de Chicago

Boas condições da nova safra dos EUA, entretanto, limitaram os ganhos.

Lilianthea Lopes Oliveira Viegas

A boa demanda de exportação por soja americana ajudou o grão a iniciar a semana em alta no mercado futuro da Bolsa de Chicago. Segundo o boletim Sojanews, da consultoria Agrinvestor Intelligence, os contratos subiram de 13 a 5 pontos na sessão. A maior alta ficou por conta das posições de setembro, que foram negociadas a US$ 11,15 o bushel.

De acordo com a consultoria, a demanda contribuiu para esgotar os estoques de soja dos Estados Unidos. Em contrapartida, as boas condições da nova safra norte-americana do grão, atuaram no sentido oposto na bolsa, limitando os ganhos.

Após o pregão, o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), divulgou o levantamento semanal das condições das lavouras americanas, que mostram uma melhora: 71% delas estão em condições muito boas (eram 70% uma semana atrás), enquanto que as lavouras em condições ruins, que eram 7% do total, melhoraram para 6%.