Canais de Notícia

Economia

Publicada em 05/08/2014

Semana começa com alta de até 21 pontos para a soja em Chicago

Os contratos que tiveram a maior valorização foram os de novembro.

Lilianthea Lopes Oliveira Viegas

O primeiro pregão da semana no mercado futuro da bolsa de Chicago, nos Estados Unidos, que é referência para as cotações mundiais da soja, começou com alta de até 21 pontos nas cotações da oleaginosa. Os contratos que tiveram a maior valorização foram os de novembro, que foram negociados no encerramento da sessão a US$ 10,79 o bushel, conforme o boletim Sojanews, da consultoria Agrinvestor Intelligence.

Segundo a consultoria, a alta ocorre em razão da boa demanda pela soja norte-americana e pela preocupação com a falta de chuvas durante o fim de semana na maior parte do Meio-Oeste dos Estados Unidos, onde se concentra a produção da oleaginosa no país.

Apesar da escassez de chuva nestes últimos dias, o relatório semanal do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), divulgado após o pregão apontou que 71% das lavouras dos EUA seguem em condições que vão de boas a excelentes, repetindo o índice da semana anterior e ainda projetando uma safra recorde no país.