Canais de Notícia

Economia

Publicada em 29/04/2014

Sudeco leva caravana do FCO a seis municípios de MS

Palestras mostram a empreendedores como obter financiamentos do fundo.

Do CanaNews com assessoria

A Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Suceco) e o governo do Estado promovem entre os dias 29 de abril e 26 de junho um ciclo de palestras sobre o Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) que tem o objetivo de mostrar aos empreendedores de seis municípios sul-mato-grossenses com obter financiamentos.

O primeiro município do Estado a receber a caravana do FCO é Inocência, nesta terça-feira (29 de abril). A iniciativa vai divulgar as condições do FCO para aumentar o número de tomadores de financiamento com os recursos do fundo. O FCO oferece condições diferenciadas com taxa de juros reduzidas e longos prazos para pagamento.

De acordo com o diretor-superintendente substituto da Sudeco, Cleber Ávila, o financiamento atende desde empreendedores individuais até grandes empresas. “Esse evento é direcionado a todo setor produtivo, tanto rural quanto empresarial”, explicou.

“O FCO tem a missão de contribuir para o desenvolvimento econômico e social em toda a região e os seminários servem para levar as informações diretamente ao público interessado nos financiamentos”, destacou Cleber.

Os seminários do FCO Itinerante ocorrerão entre abril e junho (veja calendário abaixo). Fazem parte da programação do evento palestras da Sudeco, do governo do Estado, do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Empresa Matogrossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), de instituições financeiras, além de um espaço reservado para perguntas e respostas.

Sobre o FCO

O FCO foi criado pela Lei n.º 7.827, de 27.09.1989, que regulamentou o art. 159, inciso I, alínea "c", da Constituição Federal, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento econômico e social da Região, mediante a execução de programas de financiamento aos setores produtivos.

Empresas e produtores rurais que desejarem iniciar, ampliar, modernizar ou relocalizar seus empreendimentos na região Centro-Oeste podem contar com o apoio do FCO. A administração do Fundo é exercida pelo Ministério da Integração Nacional, Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Condel/Sudeco) e Banco do Brasil.