Canais de Notícia

Economia

Publicada em 08/04/2014

Serasa orienta consumidor a organizar orçamento para controlar finanças

Segundo trimestre do ano está recheado de feriados prolongados.

Da assessoria

O primeiro trimestre do ano é marcado por uma série de despesas, como IPVA, IPTU, matrícula e material escolar, cartão de crédito com gastos das férias e muito mais. Alguns consumidores atravessaram esse período crítico no aperto porque deixaram de se planejar financeiramente ao longo do ano anterior. Por isso, agora é a hora de organizar o orçamento e, se for o caso, renegociar as dívidas atrasadas para não enfrentar dificuldades nos próximos meses, considerando que apenas o segundo trimestre do ano contempla feriados prolongados, datas comemorativas que possuem forte apelo ao consumo (Páscoa, Dia das Mães e Dia dos Namorados) e o início das férias escolares, que em várias escolas foi antecipado para junho devido aos jogos da Copa do Mundo no Brasil.

O consumidor que está inadimplente pode aproveitar a oportunidade para renegociar suas dívidas no Feirão Limpa Nome Online da Serasa Experian. A segunda edição do feirão, que começou à 0h de ontem e terminará no dia 17 de abril, funciona 24 horas por dia e permite que consumidores de todo o país renegociem suas pendências financeiras diretamente com as empresas credoras, sem sair de casa. Para acessar o serviço, basta entrar no site – www.serasaconsumidor.com.br/feirao-limpa-nome-online – e preencher um simples cadastro.

Após isso, o cidadão será levado para uma página onde estarão relacionados os nomes das grandes empresas que estão participando do feirão. São elas: Anhanguera Educacional, Autotrac, Banco BMG, Banco Cifra, Banco Itaucard, Banco Mercantil, Banco Pan, Banco Bradesco, Bradesco Cartões, Bradescard, Cartões American Express, Bradesco Financiamentos, Cartão Marisa, Casas Bahia, Cepisa, Cifra Crédito Financiamento, CPFL, Credsystem, EDP Escelsa, Financeira Itau CBD, Hipercard, HSBC, Itaú, Itaú Unibanco Financeira, Itaucred, Losango, Luizacred, Omni Financeira, Pernambucanas, Ponto Frio, Porto Seguro Cartões, Recovery, Santander, Santander Financiamentos, Supermaia e Tim Celular.

Ao escolher e clicar no nome da empresa, aparecerá uma página apresentando as dívidas que o consumidor possui em aberto na base de dados da Serasa Experian e os canais de atendimento disponíveis (telefones, e-mail, chat). A partir daí, o cidadão pode entrar em contato diretamente com as empresas para negociar possíveis descontos na dívida, com condições de pagamento diferenciadas – em alguns casos, é possível até mesmo que o boleto já esteja disponível, a partir de uma proposta feita pela própria empresa.

Segundo os economistas da Serasa Experian, um dos motivos que leva ao descontrole financeiro é gastar além da capacidade de pagamento. Por isso, é fundamental se planejar, colocando todas as contas na ponta do lápis, até mesmo o cafezinho do dia a dia. Também é importante envolver toda a família na definição das prioridades do ano, inclusive ser transparente quando for necessário o corte de gastos.

O consumidor precisa ter atenção na hora de comprar a prazo para não acumular vários parcelamentos. De acordo com os economistas, o consumidor deve avaliar se as novas parcelas assumidas podem ser suportadas pela sua renda mensal, que já contempla o pagamento de despesas correntes e essenciais, como alimentação, água, luz, telefone, escola, remédio, prestações, financiamentos, reserva para o fundo emergencial, entre outras.