Canais de Notícia

Economia

Publicada em 01/04/2014

Mais uma usina sucroenergética fecha as portas em Pernambuco

Usina Unaçúcar também não resistiu a crise do setor e deixará de moer nesta safra.

Da assessoria

O setor sucroenergético enfrenta mais um capítulo de crise vivida nos últimos anos. Outra unidade industrial deixará de funcionar no Estado. Agora é a vez da Usina Unaçúcar, localizada na cidade de Água Preta, na Zona da Mata Sul. Por safra, ela moía 350 mil toneladas de cana-de-açúcar. As demissões já iniciaram no parque industrial e continuarão no campo. Cerca de 2 mil funcionários perderão o emprego. A informação é da Associação dos Fornecedores de Cana de Pernambuco (AFCP).

Mais de cinco usinas fecharam nos últimos cinco anos. A Unaçúcar é a antiga usina Santa André, que tentava se manter operante através da iniciativa do empresário Ricardo Pessoa de Queiroz. “O fechamento sistêmico das usinas mostra que algo precisa ser feito urgentemente para evitar o colapso total do setor sucroenergético – um dos segmentos ainda mais relevantes para o Produto Interno do Estado”, frisa Alexandre Andrade Lima, presidente da AFCP.

O dirigente destaca que a situação de crise pode ser atenuada por meio de uma ação inédita do governo do Estado, que visa estimular a formação de cooperativas de produtores de cana para retomar o funcionamento das usinas fechadas. “O governador Eduardo Campos está prestes a definir uma política pública onde os produtores assumirão a gestão das usinas Cruangi e Pumaty, fechadas em 2012”, diz Lima. O Estado auxiliará os agricultores a cuidar das terras e do parque industrial dessas unidades.

Já estão sendo criadas duas cooperativas de canavieiros nesta semana. A cooperativa da Mata Norte ficará responsável pela usina Cruangi, em Timbaúba. A cooperativa da Mata Sul administrará a usina Pumaty, localizada em Palmares. Ambas as cooperativas estão sendo formadas por antigos fornecedores de cana dessas usinas, bem como por outros produtores que residem próximo a elas. “Acreditamos que o governador assinará o convenio nesta semana”, prevê Lima.