Canais de Notícia

Ciência & Tecnologia

Publicada em 06/08/2013

Diesel de cana é aprovado no desafio do Rally dos Sertões

Klever Kolberg e Flávio França concluem competição “batizando” a nova e sustentável tecnologia de combustível.

Da Redação*

A dupla formada por Klever Kolberg e Flávio França fez história neste sábado (3) de volta a Goiânia, ao completar os 4.115 km do Rally dos Sertões com o inovador carro movido a diesel de cana-de-açúcar da equipe Mobil MEM Motorsports. Pioneiro em competições fora-de-estrada, Kolberg se mostrou um candidato ao título da divisão Protótipos T1 ao lado do companheiro França. Contudo, dois problemas mecânicos os distanciaram da briga pela vitória, mas não os impediu de provar a qualidade do equipamento e do novo sistema de tecnologia de combustível.

"O Sertões teve dez etapas contando o prólogo, e em oito ficamos entre os três ou quatro primeiros sempre, liderando na categoria. Numa etapa tivemos problema com motor de arranque que nos tirou 25 minutos, e na outra no Jalapão tivemos o problema com o motor que nos prejudicou na classificação geral. Faz parte deste esporte. Andamos bem, fizemos um bom rali. Gostei muito do T-Rex", comenta Klever, que terminou em 18º no geral por conta das dificuldades.

"O Sertões esse ano foi uma decepção grande pela quebra. A dedicação do piloto e da equipe foi espetacular, todo mundo tratou a gente com muito carinho, todo mundo nos incentivou bastante, mas acontecem coisas que são de rali. No começo já liderávamos na nossa categoria e estávamos até na frente de um dos carros da T1 FIA", ressalta Flavio, destacando o desempenho impressionante na primeira metade da competição.

"Estávamos com a cabeça boa, de manter aquele ritmo, de segurar o resultado, administrar porque tínhamos uma boa vantagem, sabíamos do potencial do carro, mas infelizmente aconteceu um problema que não dependia da gente. Fizemos uma prova extremamente limpa neste ano, não tivemos nenhum erro, nem um furo de pneu, mas houve o problema técnico que nos trouxe um penal", completa o navegador. A vitória entre os carros ficou com o francês Stephane Peterhansel/Jean-Paul Cottret.

(*Com informações da assessoria da equipe)