Canais de Notícia

Ciência & Tecnologia

Publicada em 30/10/2014

Cebolas híbridas garantem produtividade durante o ano todo

Variedades são desenvolvidas para atender as diversas regiões brasileiras.

Agristar do Brasil

Nos últimos anos, a cultura da cebola cresceu de forma significativa, seja tecnologicamente ou pelo aumento de produção por área plantada, fatos que mostram a importância da hortaliça para a agricultura nacional. A cebola é a terceira cultura mais produzida no mundo, sendo o Brasil o oitavo produtor mundial. Ao lado da batata e do tomate, a cebola está entre as principais hortaliças produzidas no país, tanto em volume produzido quanto em rentabilidade gerada e giro de capital demandado.

Para atender as diferentes regiões do país no cultivo da cebola, a Topseed Premium, linha de sementes profissionais de alta tecnologia da Agristar do Brasil, oferece e desenvolve constantemente para o mercado brasileiro um amplo portfólio de sementes para cultivo de cebolas capaz de atender todo o país.

“Hoje temos na linha 13 híbridos comerciais, dentre eles as variedades Aquarius, Soberana, Andrômeda, Perfecta, Sirius, Optima e Lucinda, adaptadas de Norte a Sul do Brasil, assegurando ao produtor a confiança de colher excelentes resultados, além de um extenso trabalho de desenvolvimento de produtos visando atribuir aos novos materiais características e benefícios condizentes com as necessidades do produtor e do consumidor”, explica o Gerente Comercial da Topseed Premium, Rafael de Morais.

Diante de um mercado cada vez mais exigente em padrão e qualidade, a Agristar investe constantemente em pesquisas com a linha de cebolas híbridas em quatro estações experimentais instaladas em diferentes localidades do país (Santo Antônio de Posse/SP, Orizona/GO, Mossoró/RN e Ituporanga/SC), procurando encontrar os materiais mais adaptados às condições de cada região.

“A utilização de variedades híbridas possibilita aos produtores de cebola aumentar a produtividade com ganho em qualidade, podendo atingir até 120 toneladas por hectare em algumas regiões do país, como Triângulo Mineiro e Goiás, além de ampliar o período de plantio e colheita, garantindo oferta constante do produto no mercado”, explica o Especialista em Bulbos e Raízes da Agristar, Samuel Sant’anna.

Dias de Campo

Para demonstrar o potencial produtivo e a sanidade das cebolas híbridas para o produtor, a Topseed Premium promove durante o ano todo nas diversas regiões do país os “Dias de Campo” de Cebolas Híbridas. Nesses eventos, os produtores têm a oportunidade de conhecer as características e resultados das variedades híbridas no campo, assim como esclarecer dúvidas de cultivo e manejo.

Orientações Técnicas e Manejo Consolidado

Segundo Sant’anna, em algumas regiões do Brasil o produtor ainda carece de informação técnica a respeito da cultura da cebola. Ele ressalta a importância de procurar a orientação de um profissional capacitado para conseguir bons resultados. “Cada material tem sua particularidade: existem materiais mais exigentes no manejo hídrico; outros, na adubação. Às vezes, dependendo da época de plantio, o resultado do mesmo material pode ser diferente, além das pragas e doenças existentes, que influenciam na produtividade. Por isso, o produtor deve buscar informação antes de implantar a cultura”, orienta o especialista.

Durante o ano todo, a Topseed Premium conta com uma equipe de técnicos espalhada por todo o país para orientar sobre o manejo adequado às condições de cada região e garantir aos produtores qualidade e produtividade como resultados comprovados.

“A linha de cebolas da Topseed Premium tem a vantagem de ser uma linha com características mapeadas e manejos amplamente estudados e desenvolvidos pelos técnicos da Agristar nas estações experimentais da empresa e em parceiros, há alguns anos. Com isso, o produtor não tem surpresa, pois consegue bons resultados com variedades já consolidadas nos diversos mercados brasileiros”, afirma o Gerente Comercial da Topseed Premium, Rafael de Morais.

“O Brasil é um país continental, com condições diversas, mesmo em microrregiões. Muitas vezes, a genética desenvolvida precisa de maior adequação às condições totalmente diferentes do nosso país. Isso leva tempo e estudo, pois em uma mesma região podemos ter variações de um ano para outro. Adaptar o manejo a estas condições exige muito investimento em tempo e tecnologia. Por esse motivo, a Agristar possui estações experimentais em diferentes regiões e uma equipe que atua amplamente no campo, diretamente com o produtor”, explica o Gerente de Marketing da Agristar, Marcos Vieira.