Canais de Notícia

Ciência & Tecnologia

Publicada em 26/02/2014

FMC destaca tecnologias para soja, milho e feijão no Copercampos

Produtos estão sendo apresentados no estande com duas áreas demonstrativas.

Da assessoria

Referência no Agronegócio Brasileiro, o Dia de Campo Copercampos comemora sua 19ª edição. O Encontro, promovido para apresentar as novas tecnologias ao empresário rural, se prepara para receber mais de 10 mil pessoas. A FMC Agricultural Solutions marca presença no evento e leva seu portfólio com tecnologias para lavouras de soja, milho e feijão com duas áreas de demonstração e stand da companhia. O evento começou nesta terça-feira (25) e vai até está quinta (27), em Campos Novos (SC).

“Utilizaremos os campos demonstrativos para comprovar a eficiência de nossas tecnologias para cada cultura. Para soja, apresentaremos a linha Fertis, para nutrição especial das plantas; o fungicida Locker no controle da Ferrugem Asiática, Oídio, Antracnose, Mancha Alvo e Doenças de Final de Ciclo, com 3 modos de ação; os inseticidas Talisman (percevejos com dois modos de ação); Talstar (excelência no controle de lagartas e ácaros, apresenta atividade acaricida, o produto também permanece na folha por mais tempo); o biológico Dipel (manejo de resistência de pragas, inclusive helicoverpa armigera); Rocks (controle de lagartas e percevejos com alto poder de choque); Mustang (controle de lagartas e percevejos com alto poder de choque) e o herbicida Boral (inibidor de protox que controla folhas largas e gramíneas). Para milho, as soluções serão os inseticidas Rocks e Mustang. Já na cultura de feijão, a linha Fertis e o inseticida Mustang completam o portfólio que será demonstrado no evento, explica o Coordenador de Desenvolvimento de Mercado da FMC, Robson de Quadros Sandri.

Sandri destaca a importância do evento. “O Dia de Campo Copercampos aproxima o produtor das inovações e soluções tecnológicas do agronegócio gerando desenvolvimento para o campo, em todos os aspectos. Além dos participantes contarem com orientações técnicas de manejo, garantindo produtividade e sustentabilidade em sua lavoura”.