Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 28/01/2015

Mobilização pró-setor sucroenergético reúne 15 mil em SP

Ato foi realizado nesta terça-feira (27).

Do CanaNews com assessoria do evento

Cerca de 15 mil pessoas participaram nesta quarta-feira (27) da mobilização em prol da retomada do desenvolvimento do setor sucroenergético, que foi realizada na cidade de Sertãozinho, no interior do São Paulo. O município é polo das indústrias de base que atendem o segmento e vem sendo duramente afetado pela crise econômica que atinge a agroindústria canavieira nos últimos anos.

Durante o ato, totalmente pacífico e ordeiro, trabalhadores, empresários, lideranças políticas, produtores de cana, cidadãos e representantes de diversas entidades realizaram uma caminhada pelas principais vias da cidade, que culminou com o ato de leitura da carta reivindicatória da manifestação, no entroncamento das rodovias Armando de Salles Oliveira e Carlos Tonani, que foram temporariamente bloqueadas na manifestação.

Ao receber a carta, secretário estadual de Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim, destacou o exemplo que os cidadãos de Sertãozinho deram ao resto do país. “O Brasil inteiro deveria seguir o exemplo dos trabalhadores, empresários e agricultores de Sertãozinho, que estão de parabéns pela grandiosa manifestação, pacífica e organizada. Assumo o compromisso de levar as reivindicações do povo sertanezino ao governador Geraldo Alckmin, e de apoiar esse Movimento, para que em Brasília, possamos cobrar medidas reais de incentivo e investimento ao setor sucroenergético”, afirmou.

Balanço

De acordo com o secretário municipal de Indústria e Comércio, Carlos Roberto Liboni, que atuou na coordenação da ação, o balanço do evento foi positivo. “A adesão popular atingiu nossas expectativas, já que contamos com a participação de 15 mil pessoas, contando os dois pontos de concentração e a caminhada. Outro ponto de destaque foi a receptividade dos municípios da região com o Movimento, que enviaram representantes e se uniram em torno de um mesmo objetivo: retomar os investimentos e a produtividade do setor sucroenergético com urgência”, avaliou.

Nos próximos dias, o Grupo de Trabalho envolvido na realização do movimento se reunirá para definir as estratégias do próximo passo, que levará as reivindicações já apresentadas ao governo do Estado, para o governo federal.