Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 10/12/2012

Expedição Soja Brasil se despede de Mato Grosso do Sul nesta sexta

Naviraí é o último município a ser visitado pela Aprosoja Brasil.

Aprosoja/MS

Nesta sexta-feira (7), a Expedição Soja Brasil realiza os últimos trabalhos em Mato Grosso do Sul, em Naviraí. O grupo formado por jornalistas, representantes da Aprosoja, pesquisadores da Embrapa e técnicos do Senar/MS, visitou mais oito municípios em MS (Nova Alvorada do Sul, Campo Grande, Rio Brilhante, Ponta Porã, Amambai, SIdrolândia, Maracaju e Dourados), a fim de acompanhar na prática a evolução da safra 2012/2013 no Brasil, desde o plantio até a colheita. A primeira parada da expedição em MS aconteceu no dia 29 de novembro, em Chapadão do Sul.

Leonardo Carlotto, diretor executivo da Aprosoja/MS que está acompanhando os trabalhos, conta que “os resultados obtidos até agora foram satisfatórios, com uma boa participação dos municípios. Os produtores Sul-mato-grossenses demonstraram-se bastante interessados levantando questionamentos pertinentes aos especialistas”.

Conforme o presidente da Aprosoja Brasil e idealizador do Projeto que deu origem à expedição, Glauber Silveira, todo o trabalho vai resultar na elaboração de um diagnóstico sobre as condições da cadeia produtiva do grão no país. Ele afirma ainda que “agora é o momento de conhecer o berço da soja no Brasil. Queremos acompanhar de perto a evolução das lavouras nos estados onde tudo começou. A maioria dos produtores que moram hoje na região Centro-Oeste, por onde passamos, saiu destes estados. Vamos voltar às origens da soja no Brasil e ter uma expectativa de como será a safra por lá”.

Expedição Soja Brasil

A ação que acompanha o desenvolvimento das lavouras de soja é a maior já realizada no país e segue até março de 2013. Para cobrir os mais de 25 mil quilômetros que serão percorridos, o Brasil foi dividido em quatro rotas envolvendo 11 estados. A primeira rota já foi feita e passou por Rondônia, Mato Grosso e Goiás. Mato Grosso do Sul faz parte da segunda, que também inclui Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.