Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 03/12/2012

Expedição Soja Brasil começa a visitar lavouras em Mato Grosso do Sul

Técnicos começaram visita por Chapadão do Sul e vão passar ainda por outras nove cidades.

Da Redação*

A Expedição Soja Brasil iniciou nesta quinta-feira (29), por Chapadão do Sul, a 325 quilômetros de Campo Grande, as visitas as lavouras da cultura em Mato Grosso do Sul, na segunda etapa do trabalho de campo iniciado no fim de outubro, em Rondônia. Até o dia 6 de dezembro técnicos da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja), do Senar e da Embrapa estarão visitando outros nove municípios: Nova Alvorada do Sul, Campo Grande, Sidrolândia, Maracaju, Dourados, Ponta Porã, Amambai, Mundo Novo e Naviraí.

Segundo a Aprosoja, o objetivo das visitas é conhecer modelos de produção adotados nas principais regiões produtoras de Mato Grosso do Sul, saber das expectativas dos produtores em relação a safra 2012/2013, bem como dos problemas que deverão ser superados até a colheita dos grãos, como os ataques de pragas e doenças, e as variações climáticas. Os técnicos também vão analisar os sistemas de comercialização da produção e cooperativas de agricultores.

Depois de Mato Grosso do Sul, nesta segunda etapa da expedição, os técnicos vão passar pelo Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. No Paraná, os municípios visitados serão Toledo, Cascavel, Goioerê, Campo Mourão, Faxinal e Londrina. A expedição também faz uma parada em Chapecó (SC), antes de seguir viagem para o Rio Grande do Sul, onde estará em Erechim, Passo Fundo, Tapera e Não-Me-Toque.

Na terceira rota, que começa em janeiro, o roteiro inclui Pará, Maranhão, Piauí e Bahia, voltando ainda para Goiás e Mato Grosso. Na quarta rota, em fevereiro, o destino é Cascavel, no Paraná, com todos os detalhes da feira Show Rural Coopavel 2013. Na quinta e última rota, a partir de fevereiro, a Expedição Soja Brasil conclui os 25 mil quilômetros percorridos em todo o Brasil nos Estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, participando inclusive da Expodireto Cotrijal 2013 em Não-Me-Toque (RS).

A meta dos técnicos, com base nas visitas que estão sendo feitas é elaborar um diagnóstico do atual modelo de produção de soja no Brasil e encaminhar ao Congresso Nacional por meio da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) para que os problemas identificados, como, por exemplo, as questões fundiária, logísticas e trabalhista, possam ser solucionados.

A Expedição Soja Brasil dá sequência ao projeto iniciado em junho deste ano, que teve a primeira fase encerrada no dia 18 de outubro com o Fórum Soja Brasil em Londrina (PR). Ao todo foram quatro fóruns com temas relacionados ao dia a dia no campo como as relações trabalhistas.

(*Com informações da assessoria de imprensa)