Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 14/08/2014

Delcídio lidera, seguido por Azambuja e Trad, segundo pesquisa Fiems

A pesquisa foi realizada de 8 a 11 de agosto com 1.640 eleitores de 40 municípios.

Da Fiems

Como parte da iniciativa de acompanhar e analisar o cenário político de Mato Grosso do Sul, a Fiems divulga, nesta quinta-feira (14/08), a segunda rodada de pesquisas eleitorais para demonstrar as intenções de votos do eleitorado estadual. A 2ª pesquisa Fiems/Ibrape para governador do Estado aponta queda do candidato do PT, senador Delcídio do Amaral, e do candidato do PMDB, ex-prefeito Nelson Trad Filho, e crescimento do candidato do PSDB, deputado federal Reinaldo Azambuja, e do candidato do PP, Evander Vendramini.

Na 2ª rodada da pesquisa estimulada, em que são apresentados ao eleitor os nomes de todos os candidatos registrados pelo TER-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), Delcídio aparece com 44%, queda de 2 pontos percentuais em relação à primeira rodada, Reinaldo Azambuja tem 21%, aumento de 3 pontos percentuais, Nelson Trad Filho fica com 20%, queda de 5 pontos percentuais, enquanto o candidato Evander Vendramini (PP) aparece com 2%, aumento de 1 ponto percentual. Os candidatos Professor Monge (PSTU) e Sidney Melo (PSOL) somaram, cada um, 1%, mantendo o mesmo percentual da 1ª rodada, enquanto os votos brancos e nulos totalizam 4%, mesmo índice da rodada anterior, e o percentual de indecisos chegou a 7%, crescimento de 3 pontos.

Delcídio do Amaral, de acordo com a 2ª rodada da pesquisa, lidera no interior com 49% das intenções de votos, queda de 4 pontos em relação à anterior, enquanto na Capital o percentual é de 32%, alta de 2 pontos percentuais. Já Reinaldo Azambuja soma 22% na Capital, aumento de 4 pontos, e 21% no interior, demonstrando crescimento de 5 pontos, enquanto Nelson Trad Filho tem 30% na Capital, queda de 5 pontos, e 15% no interior, redução de 6 pontos.

Na pesquisa espontânea, Delcídio também lidera com 28%, crescimento de 8 pontos percentuais em relação à 1ª rodada, Nelson Trad Filho aparece com 11%, mesmo índice da pesquisa anterior, e Reinaldo Azambuja tem 10%, aumento de 7 pontos, enquanto brancos e nulos somam 3%, mesmo percentual da anterior, e os indecisos 45%, redução de 15 pontos percentuais com relação à anterior.

Com relação à rejeição, o candidato do PMDB continua sendo mais rejeitado pelo eleitor sul-mato-grossense com 31%, seguido pelo candidato do PT com 28% e, em terceiro, o candidato do PSDB com 10%. Os candidatos do PP e do PSTU têm 8% cada e o do PSOL aparece com 7%, enquanto 8% não responderam.

Registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o nº TSE/BR 00344/2014 e no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) com o nº TRE/MS 00025/2014, a pesquisa Fiems/Ibrape ouviu, de 8 a 11 de agosto deste ano, 1.640 eleitores distribuídos em 40 municípios. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos e o grau de confiança de 95%.