Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 11/08/2014

Começa hoje treinamento do Soja Plus em Minas Gerais

ABIOVE e FAEMG assinaram termo de cooperação na iniciativa.

Da ABIOVE

Lançado em Minas Gerais na última sexta-feira, 8, o programa Soja Plus, de gestão de fazendas, começa hoje em Uberlândia com o primeiro treinamento de 30 engenheiros agrônomos e ambientais da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e do campus dessa escola em Rio Paranaíba, um dos 12 municípios mineiros que concentram 90% da produção de soja do estado, o sexto maior produtor da oleaginosa no País. Os demais municípios sojicultores de Minas, que serão atendidos pelo Soja Plus, são Araxá, Capinópolis, Coromandel, Paracatu, Patos de Minas, Patrocínio, São Gotardo, Tupaciguara, Uberaba, Uberlândia e Unaí.

Bernardo Machado Pires, gerente de sustentabilidade da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), e Pedro Ivo Good God, professor de genética e melhoramento de plantas da UFV- campus de Rio Paranaíba, ministrarão o primeiro curso do Soja Plus em MG. Eles capacitarão os engenheiros agrônomos e ambientais para prestarem assistência técnica às fazendas produtoras de soja. As primeiras a serem atendidas serão as do Grupo Algar Agro e da Cargill, na região de Uberlândia.

Como parte da capacitação, os técnicos aprenderão a aplicar uma lista de verificação de itens relacionados a 186 indicadores sociais, sociais, ambientais e econômicos e de construções rurais. Outros cursos serão ministrados até o final do ano pelo professor Aziz Galvão, da UFV, abrangendo as cinco linhas temáticas do Soja Plus: qualidade de vida no trabalho (saúde e segurança ocupacionais e relações trabalhistas); melhores práticas de produção (gestão dessas práticas e de impactos sobre recursos naturais); viabilidade financeira e econômica; qualidade do produto; e responsabilidade social.

Entre 22 e 26 de setembro, a engenheira de segurança e instrutora do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT), Valéria Eller, irá capacitar os instrutores do Senar-MG no âmbito da linha temática qualidade de vida na fazenda (saúde e segurança ocupacionais aplicadas ao meio rural).