Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 02/07/2014

Audiência discute fábrica de celulose em Ribas do Rio Pardo

Evento será realizado nesta quinta-feira (3).

Anderson Viegas

O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) promove uma audiência pública nesta quinta-feira (3), em Ribas do Rio Pardo, município a 97 quilômetros de Campo Grande, para discutir o projeto de implantação da fábrica de celulose da CRPE Holding (Celulose Rio Pardense e Energia) no município.

O evento vai apresentar o projeto e o Relatório de Impacto Ambiental (Rima) do empreendimento. Essa será a terceira planta de produção de celulose de Mato Grosso do Sul, as outras duas, da Fibria e da Eldorado Brasil, estão instaladas em Três Lagoas.

Segundo o Rima, a fábrica será construída próxima a BR-262, e deve produzir 2,2 milhões de toneladas de celulose por ano e cogerar 219 MW de bioeletricidade. Sua produção será voltada principalmente para atender o mercado externo e, por isso, será implantado um ramal ferroviário para permitir o escoamento da celulose pela Ferroeste.

O investimento previsto no projeto é de R$ 4 bilhões e o prazo para a conclusão das obras é de 36 meses. Desse total, a empresa obteve em dezembro do ano passado a aprovação em consulta prévia a Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) para financiar R$ 713,5 milhões com recursos do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO).

O empreendimento deverá gerar 1,3 mil empregos entre diretos e indiretos. Já a construção deverá envolver até 8 mil trabalhadores no pico da obra e montagem.

Serviço

A audiência pública será realizada às 19 horas, no ginásio de esportes de Ribas do Rio Pardo.