Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 12/05/2014

Força-tarefa apreende 7 t de produtos impróprios para consumo

Apreensões ocorreram na semana passada na região sudeste de Mato Grosso do Sul.

Força-tarefa formada por policiais da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo (Decon), fiscais da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) e do Ministério das Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), apreenderam 7 toneladas de produtos de origem animal impróprios para o consumo em operação realizada entre os dias 5 e 9 de maio, na região de Nova Andradina, no sudeste de Mato Grosso do Sul.

Segundo a Decon, o trabalho de fiscalização foi realizado em diversos estabelecimentos comerciais, principalmente supermercados e açougues. Somente em Nova Andradina foram apreendidas 3 toneladas de produtos, entre eles carnes (bovina, suína e de frango) e linguiça.

Já no distrito de Nova Casa Verde foram retiradas dos estabelecimentos mais 2 toneladas de produtos que não estavam em condições adequadas para o consumo. Além de carnes e de linguiça, também foi encontrado pescado e mel, que não tinha registro de inspeção e estava em condições precárias de armazenamento.

Também foram apreendidas uma toneladas de carnes bovinas e linguiça em avançado estágio de deterioração no município de Batayporã. Na cidade, a força tarefa também retirou dos estabelecimentos leite in natura, charque e ovos.

Segundo a Decon, os responsáveis pela comercialização de produtos em situação irregular vão responder a procedimento administrativo da Iagro, que depois encaminhara os casos para as delegacias de polícia dos municípios fiscalizados. Os crimes contra as relações de consumo têm penas de dois a cinco anos de prisão.