Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 05/02/2014

Número de casos de ferrugem asiática no País cresce 3% na safra 13/14

Mato Grosso do Sul é o quinto estado em quantidade de focos da doença.

Anderson Viegas

O número de casos de ferrugem asiática nas lavouras de soja do Brasil cresceu 3% na parcial até o mês de janeiro da safra 2013/2014 em comparação com o mesmo período de tempo do ciclo 2012/2013, passando de 265 para 273, conforme dados do Consórcio Antiferrugem.

De acordo com o consórcio, na safra 2012/2013 foi registrado um caso da doença em outubro, sete em novembro, 31 em dezembro e 226 em janeiro. Já no ciclo atual, o 2013/2014, não ocorreram notificações em outubro e em novembro foram confirmados 12 casos, em dezembro mais 73 e em janeiro 188.

A safra passada terminou com o País contabilizando um total de 490 casos da doença, em 11 estados e no Distrito Federal. O maior número de focos foi registrado no Rio Grande do Sul, com 115 e o pico de notificações ocorreu em janeiro, 226.

Já nesta safra, o número de notificações da doença somando os casos registrados até janeiro, com os três novos contabilizados em fevereiro chega a 276, em nove estados. O maior número de focos ocorre em Goiás, com 105. Depois aparecem o Paraná, com 52, o Rio Grande do Sul, com 48, mato Grosso, com 25 e Mato Grosso do Sul, com 23.

Panorama em MS

Conforme o consórcio, o município com o maior número de casos até o momento em Mato Grosso do Sul é Chapadão do Sul, no Norte do estado, com 19 registros. Depois aparecem Costa Rica, com dois casos, e Maracaju e Dourados, com uma notificação cada.