Canais de Notícia

Agrobussines

Publicada em 29/10/2013

Setor sucroenergético de MS atinge moagem de 33 mi de t no ciclo 13/14

Produção de cana-de-açúcar no Estado tem uma queda de 23, 63% comparada com a mesma quinzena da safra passada.

Da Redação

O volume de cana-de-açúcar processada na primeira quinzena de outubro deste ano em Mato Grosso do Sul atingiu 1,76 milhão de toneladas, diferença de 560 mil toneladas se comparado ao mesmo período da safra passada, que apresentou 2,30 milhões de toneladas.

Se comparados os números da produção acumulada desde o início da safra 2013/2014até a primeira quinzena de outubro, com o mesmo período da safra anterior,houve um crescimento de 14,63%, totalizando 33,07 milhões de toneladas de cana.

De acordo com dados da Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul), o indicador do ATR (Açúcares Totais Recuperáveis) por tonelada de cana teve uma queda de 17,83% nesta quinzena, atingindo 125,08 kg, dados que representam uma baixa na qualidade da produção de cana.

Segundo o presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho, os efeitos doclima na cana-de-açúcar terá reflexo na entressafra. “O impacto da geada se desdobrará por mais duas ou três safras”, prevê o presidente.

Outros dados

O volume de produção na primeira quinzena de outubro não apresentou números . O açúcar e etanol hidratado tiveram queda de 56,31% e 40,11%respectivamente em relação a mesma quinzena da safra 2012/2013. Já o etanol anidro apresentou um aumento de 15,06%. Logo, o etanol total desta quinzena também apresentou queda, com variação de 26,61% comparada com a primeira produção quinzenal de outubro da safra passada.